Pular para o conteúdo principal

VISUAL-ARTV - Espaço de Memória Bernardo Monteverde

Espaço de Memória Bernardo Monteverde

Parte da história da construção civil em exposição permanente

A história da construção civil e da terceirização de serviços no Brasil tem vários capítulos e num deles certamente se insere a obra do empresário Bernardo Monteverde.
Empreendedor à frente do seu tempo e que sempre agregou valores humanitários na sua carreira empresarial,  Monteverde vivenciou uma rica experiência ao longo do seu percurso e que  pode ser conhecida através de objetos,  documentos,  fotos e arquivos expostos no Espaço de Memória Bernardo Monteverde,  no centro.
Este vasto acervo narra uma  parte significativa da trajetória da construção civil no país bem como a carreira deste pioneiro. 
O árduo inicio da trajetória de Bernardo Monteverde  foi marcado por viagens pelo país afora como mascate.  Apesar das dificuldades, a perseverança sempre foi um traço forte no descendente de imigrantes europeus,  nascido em Santa Catarina(1908/1997). 
Movido pela persistência e determinação,  aliado a um grande conhecimento do seu país,  ele  foi obtendo conquistas no setor da construção civil,  manutenção, conservação e desinfecção hospitalar.
Homem  de visão,  ao mesmo tempo construiu edificações pelo Brasil afora, como por exemplo, o prédio da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, abrigos e pontes do Parque Nacional de Itatiaia(RJ)e o aeroporto de Cuiabá(MT), agências do Banco do Brasil em diversas cidades como:  Itabuna(Bahia)  e Conselheiro Lafaiete(MG) entre outras,  com a marca da Monteverde Engenharia,  fundada há 70 anos.
Outra forte característica do empresário foi a preocupação com a inclusão social: perto do Natal de 1940,  Bernardo premiou seus funcionários com uma caderneta de poupança. A força da idéia deu origem a proposta do 13º salário,  implantado posteriormente pelo presidente Getulio Vargas.
Em outra etapa, o pioneirismo de Bernardo Monteverde levou o empresário a erguer diversas construções na então nascente capital federal  Brasília,  convocado pelo então presidente Juscelino Kubitschek. Alem disso, sua empresa preparou com toque de classe outros edifícios públicos da cidade para a inauguração.
Incansável,  Bernardo Monteverde extrapolava a atividade empresarial e teve olhos para desenvolver  vários projetos humanistas,  de filantropia;  tendo se tornado um mecenas que patrocinou vários projetos culturais que resultaram em títulos de reconhecimento,  como os  de cidadão benemérito do Rio de Janeiro e de Brasília.  Faleceu  em 1997.

Espaço de Memória Bernardo Monteverde

Exposição permanente
Endereço: rua Evaristo da Veiga,  55/5º - Centro – cep: 20031-040
Funcionamento: de 2ª feira a 6ª feira,  das 10h às 15h(exceto feriados)
Tel: (21) 2240-4747.  Entrada franca
Visite o sitewww.monteverde.srv.br

e-mail:  espacodememoria@monteverde.srv.br.






Comentários